segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Azarado.A este vale a pena assistir!


Nesse domingo fui assistir a um espetáculo teatral que adorei. A peça se chama Azarado, uma produção da Grafite Teatro Empresarial e que se encontra em cartaz até o dia 8 de março, no teatro Santa Dorotéia (Rua Chicago, n°240, Bairro Sion; fim da Rua Grão Mogol), de quinta a sábado, às 21h e domingos às 19h.

A história gira em torno da expectativa do personagem central em viver sua primeira grande noite de amor com a atual namorada e planeja o dia perfeito para estar bem disposto à noite, a fim de tentar superar as possíveis expectativas da amada. O que ele não contava é que os acontecimentos fossem conspirar de maneira curiosa contra tudo que ele havia planejado.

Ao longo do dia, o personagem luta para que nenhum imprevisto estrague seu grande encontro. Porém, nem tudo acontece como ele planejou.

O mais legal é que, no final, o personagem central, muito bem interpretado pelo ator André Maurício, descobre que todo o azar dele era, na verdade, uma grande sorte. Um final surpreendente.

Azarado é um espetáculo simples, mas que possui um cenário, figurino e sonoplastia modernos e consegue divertir e encantar a platéia, usando o humor inteligente. A classificação é de 12 anos.

Eu gostei e me diverti muito. E indico. Se você tiver a oportunidade de assistir, não deixe de ir, pois realmente vale a pena e, com certeza, você vai desopilar o fígado de tanto rir!

O espetáculo Azarado participa da 35ª Campanha de Popularização do Teatro e da Dança, que acontece em Belo Horizonte desde o último dia 05 de janeiro e vai até 08 de Março próximo.

Os ingressos, durante a campanha, custam 10 reais, quando adquiridos antecipadamente em postos de venda fixos (Mercado das Flores, Shopping Cidade, Pátio Savassi) e móveis, bem como através do "Tele-ingressos" (3335-1721 e 3291-5140).

Se quiser saber mais detalhes sobre a Campanha, clique aqui

2 comentários:

Cathwillows disse...

Dinha! Vc vai no carnaval né?
Bjs!

José Geraldo Business Costa disse...

Como sempre tudo que diz respeito a Conceição do Mato estou Dentro, e como sempre participo da melhor forma, com ação ou críticas. Quero comentar a respeito do carnaval 2009 nesta cidade. Infelizmente não estou presente, mas a respeito do “contra mão da tradição” o próprio carnaval já disse tudo, ele não tolera censuras e quem saudosista apela para o passado justificando violência que o axé possa trazer. Lembre-se que o Axé também é genuinamente brasileiro e contagia da mesma forma que as marchinhas e as escolas de samba. Aquele abraço conceicionenses. Parabéns Breno Costa, o importante é não faltar folia para o seu povão. De Nova lima José Geraldo da Silva